O selo “Cidade Amiga do Idoso” e a perspectiva de desenvolvimento regional no Estado de São Paulo- Brasil / The Seal "Age-Friendly City" and an Regional Development Perspective in São Paulo, Brazil

  • Cristiane Cinat Universidade Estadual Paulista - UNESP/Franca

Resumen

ABSTRACT

Our study aims to examine whether a public policy suggested by the Government of the State of São Paulo: the Seal "Age-Friendly City" may significantly impact the idea of local / regional development by municipalities which accede to her. To this end, we seek to develop a qualitative exploratory study, abeam of systematic literature readings crafted in course taken in the Graduate Program in Social Work from UNESP / Franca. Thus, we seek to carry out a reflection on two contemporary concepts: the human aging and the development of a perspective beyond economic dimension, only. It follows in work, the possible conclusions from this exercise.

RESUMO

Nosso trabalho visa analisar se uma política pública sugerida pelo Governo do Estado de São Paulo: o Selo “Cidade Amiga do Idoso” pode impactar de forma significativa a ideia de desenvolvimento local/regional pelos municípios que a ela aderirem. Para tanto, procuramos desenvolver um estudo exploratório qualitativo, través de leituras sistemáticas de literatura trabalhada em disciplina cursada no Programa de Pós-Graduação em Serviço Social da UNESP/Franca. Assim, busca-se realizar uma reflexão sobre dois conceitos contemporâneos: o de envelhecimento humano e o de desenvolvimento em uma perspectiva para além da dimensão econômica apenas. Seguem-se ao trabalho, as conclusões possíveis deste exercício.

Biografía del autor/a

Cristiane Cinat, Universidade Estadual Paulista - UNESP/Franca
É Assistente Social da Universidade Federal de São Carlos – UFSCar, graduada em Serviço Social pela Universidade Estadual Paulistas “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP/Franca e mestre em Gerontologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP. É doutoranda em Serviço Social pela UNESP/Franca e atua principalmente nos temas: Serviço Social, políticas públicas e envelhecimento humano.

Citas

Beavoir, S. (1970). A Velhice . São Paulo: Editora Difusão Europeia do Livro.

Brasil. (2010). A PNDR em dois tempos: A experiência apreendida e o olhar pós 2010. Brasília, DF: Ministério da Integração Nacional (MI). Secretaria de Políticas de Desenvolvimento Regional.

Brasil. (2006). Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa. Portaria nº 2.528/GM de 19 de outubro de 2006.

Camarano, A. A. (org). (2010). Cuidados de Longa Duração para a População Idosa: um novo risco social a ser assumido? Rio de Janeiro: IPEA.

Debert, G. G. (2004). A Reinvenção da Velhice. São Paulo: Edusp.

Gil, A. (2010). Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas.

Kanashiro, M. M. (2012). Envelhecimento Ativo: uma contribuição para o desenvolvimento de instituições de longa permanência amigas da pessoa idosa (Dissertação de Mestrado). São Paulo, Universidade de São Paulo.

Machado, J. G. R. & Pamplona, J. B. (2008). A ONU e o desenvolvimento econômico: uma interpretação das bases teóricas da atuação do PNUD. Revista Economia e Sociedade, 17 (1), pp. 53-84.

OMS (World Health Organization). (2005). Envelhecimento ativo: uma política de saúde. Brasília: Organização Pan-Americana da Saúde.

OMS (World Health Organization). (2008). Guia Global: Cidade Amiga do Idoso [version for the web. WHO.

Prado Jr, C. (1986). História Econômica do Brasil. São Paulo: Ed. Brasiliense.

São Paulo (2012). Governo. Programa São Paulo Amigo do Idoso. Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social. [versão online] disponível em http://www.desenvolvimentosocial.sp.gov.br/

Schirrmacher, F. (2005). A Revolução dos Idosos: o que muda no mundo com o aumento da população mais velha. Rio de Janeiro: Editora Elsevier.

Ugá, V. D. (2004). A Categoria “pobreza” nas formulações de Política social do Banco Mundial. Revista de Sociologia e Política, 23, pp. 55-62.

Publicado
2016-03-30
Cómo citar
Cinat, C. (2016). O selo “Cidade Amiga do Idoso” e a perspectiva de desenvolvimento regional no Estado de São Paulo- Brasil / The Seal "Age-Friendly City" and an Regional Development Perspective in São Paulo, Brazil. Revista Internacional De Ciencias Sociales, 5(1), 229-238. Recuperado a partir de https://journals.epistemopolis.org/csociales/article/view/476
Sección
Artículos