Novos ambientes de aprendizagem para uma educação empreendedora: um estudo de analogias e metáforas utilizadas na implantação de núcleo de extensão acadêmica para uma instituição de ensino superior / New Learning Spaces for an Entrepreneurial Education: a Study of Analogies and Metaphors Used During an Academic Extension Center for a Collage Institution

  • Eduardo Bomfim Machado GEMATEC, Faculdade Novos Horizontes
  • Ronaldo Luis Nagem GEMATEC CEFET
  • Suryam Guimarães Lima GEMATEC CEFET

Resumen

ABSTRACT

The challenges of Entrepreneur Education had been taken to another level due the internet advances and virtual business. By the budget decreasing, small places and scheduling and meeting difficulties at the big cities, the use of cyberspace to join together users around proposals and projects rises as a possible alternative for new learning places also. This way, using a distant education platform systems a college of Belo Horizonte in Brazil will take a high step enhancing the Entrepreneur Education for its business school. This article aims to describe how the analogies and metaphors affect the perception of prospect users to a new extension and learning center designed to new business plans receiving, named Projects Hotel. Through a survey, the target was exposed to analogies and metaphors found between those objects, one was the different hotels offers, and another was the project hotels capable to help new business ideas. The results were helpful to make decisions to manage this new center, drove the marketing efforts of it among students and teachers and make a good improvement support. Those academic data were too helpful to spread this particular case of extension and learning activity as powerful leverage to entrepreneur education and spreading of science and technology.

RESUMO

Os desafios da Educação Empreendedora ganharam novos contornos com o enorme desenvolvimento da internet e dos negócios virtuais. Com restrições de orçamentos, espaço físico e dificuldades de encontros presenciais em grandes centros urbanos, a utilização de ambientes virtuais de interação e acomodação de usuários em torno de projetos tem-se mostrado uma alternativa viável para concepção de novos espaços de aprendizagem. Com o uso de plataformas EAD de interação, uma IES de Belo Horizonte no Brasil dará um importante passo para o reforço da educação empreendedora junto ao seu curso de Administração. Com isso, este artigo pretende descrever como as analogias e metáforas interferem na percepção de potenciais usuários de um novo centro de ensino e extensão universitária, voltado para recepção e desenvol-vimento de projetos de novos negócios, conhecido atualmente por Hotel de Projetos. Por meio de uma pesquisa “survey”, o público alvo foi exposto a possíveis analogias e metáforas encontradas entre os dois objetos de estudo, que são os padrões de oferta relativos ao setor hoteleiro e os hotéis de projetos de novos negócios. Os resultados foram utilizados diretamente para decisões operacionais e ajustes nas formas de comunicação e divulgação, bem como nas melhorias a serem implemen-tadas nesse novo centro de extensão. Além de contribuir com o meio acadêmico, disseminando dessa prática educacional de criação e manutenção de núcleos extensionistas como mecanismos alavancadores do aprendizado da educação empreende-dora e de disseminação de ciências e tecnologia.

 

Contato principal: emachado.prof@gmail.com

Citas

Abbagnano, N. (1999). Dicionário de filosofia . São Paulo, Brasil: Ed. Martins Fontes.

Andrade, R. O., e Amboni, N. (2004). Gestão de cursos de administração: metodologias e diretrizes curriculares . São Paulo, Brasil: Pearson.

Assmann, H. (1998). Metáforas novas para reencantar a Educação, epistemologia e didática. Piracicaba, Brasil: Ed. UNIMEP.

Cachapuz, A. (1989). Linguagem metafórica e o ensino de ciências. Revista Portuguesa de Educação, 2 (3), 117-129.

Coordenadoria de Expansão da Brasil Júnior. (2012). DNA JR.

Dias, R. A., e Leite L. S. (2010). Educação a distância: da legislação ao pedagógico. Petrópolis, Brasil: Vozes.

Draper III, W. H. (2012). O jogo das startups: por dentro da parceria entre investidores de risco e os empreendedores . Rio de Janeiro, Brasil: Editora Elsevier.

Dolabela, F. (2004). Pedagogia empreendedora. Revista de negócios Blumenau, 9 (2), 127-130.

Dornelas, J. C. A. (2001). Empreendedorismo: transformando ideias em negócios . Rio de Janeiro, Brasil: Editora Elsevier.

Duit, R. (1991). On the role of analogies and metaphors in learning science. Science Education, 75 (6), 649-672.

— On the role of analogies and metaphors in learning science. Revista Portuguesa de Educação, 2 (3), 117-129.

Fallgatter, M. G. H., e Sena, A. (2004). Papel das Pré-Incubadoras de Empresas no Desenvolvimento do Empreendedorismo: o Caso do Gene-Blumenau. Anais 2º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária. Belo Horizonte, Brasil. Disponível em: https://www.ufmg.br/congrext/Tecno/Tecno9.pdf. Acessado em 20/12/2014

Ferreira, M. P., Santos, J. C., Serra, F. R. (2010). Ser empreendedor: pensar criar e moldar a nova empresa. Lisboa, Portugal: Sílabo.

Gil, A. C. (2012). Didática do ensino superior . São Paulo, Brasil: Atlas.

Goulart, I. B., Papa Filho, S. (2004). Empreendedorismo e empreendedores, sugestão para a educação. Belo Horizonte, Brasil: Editora Newton Paiva.

Grando, N. (Org.). (2012). Empreendedorismo inovador: como criar startups de tecnologia no Brasil. São Paulo, Brasil: Editora Évora.

Grossi, M. G. R., Costa, J. W., e Guimarães, M. B. M. (2013). Concepção construtivista permeada pelo uso de tecnologias: um estudo de caso. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, 8, 378-393.

Grossi, M. G. R., Costa, J. W., e Moreira, M. M. (2013). O papel do tutor virtual na educação a distância. Revista do Centro de Educação, 38 , 659-679.

Hisrich, R. D., Peters, M. P., e Shepherd, D. A. (2009). Empreendedorismo. Porto Alegre, Brasil: Bookman.

Lei 9394/1996, Capítulo IV: Da Educação superior, Arto. 43.VII. Diário Oficial da União, Brasília, Brasil, 20 de dezembro de 1996.

Maia, C., e Mattar, J. (2007). ABC da EaD . São Paulo, Brasil: Pearson Prentice Hall.

Malhotra, N. (2001). Pesquisa de marketing. Porto Alegre, Brasil: Bookman.

Mello, G., e Goldenstein, M. (2011). Perspectivas da hotelaria no Brasil. Brasília, Brasil: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. Disponível em: https://web.bndes.gov.br/bib/jspui/handle/1408/1509. Acessado em 01/02/2015.

Moran, J. M. (2002). O que é educação a distância. Informe CEAD - Centro de Educação a Distância. Rio de Janeiro, Brasil: SENAI.

Mugnol, M. (2009). A Educação a Distância no Brasil: conceitos e fundamentos. Revista Diálogo Educacional, 9 (27), 335-349.

Nagem, R. L., Carvalhaes, D. O., e Dias, J. A.Y. (2001). Uma proposta de metodologia de ensino com analogias. Revista Portuguesa de Educação, 2, 14.

Nagem, R. L. (1997). Expressão e recepção do pensamento humano e sua relação com o processo de ensino e de aprendizagem no campo da ciência e da tecnologia: imagens, metáforas e analogias. (p. 55). Seminário de Metodologias de Ensino na Área da Educação em Ciência. Concurso Público para o Magistério Superior do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, Brasil.

Pocho, C. L., Aguiar, M., Sampaio, M., e Leite, L. (coord.). (2012). Tecnologia educacional: descubra suas possibilidades na sala de aula . Petrópolis, Brasil: Vozes.

Santos, J. R. (2012). A Moodle nas práticas pedagógicas de uma escola básica: realidade ou ficção na inserção das TIC em sala de aula. Educação, Formação & Tecnologias, 5 (1), 72-83.

Wada, E. K., e Camargo, L. O. (2006). Os desafios da hotelaria. Rio de Janeiro, Brasil: GV Executivo.

Publicado
2015-06-09
Cómo citar
Bomfim Machado, E., Nagem, R. L., & Guimarães Lima, S. (2015). Novos ambientes de aprendizagem para uma educação empreendedora: um estudo de analogias e metáforas utilizadas na implantação de núcleo de extensão acadêmica para uma instituição de ensino superior / New Learning Spaces for an Entrepreneurial Education: a Study of Analogies and Metaphors Used During an Academic Extension Center for a Collage Institution. Revista Internacional De Aprendizaje En La Educación Superior, 2(2). Recuperado a partir de https://journals.epistemopolis.org/edusuperior/article/view/1010
Sección
Artículos